AMBIENTE ACREANO: A MANIFESTAÇÃO DE PERPÉTUA ALMEIDA CONTRA A UNIFICAÇÃO DO FUSO HORÁRIO.
Google
Na Web No BLOG AMBIENTE ACREANO

sábado, junho 20, 2009

A MANIFESTAÇÃO DE PERPÉTUA ALMEIDA CONTRA A UNIFICAÇÃO DO FUSO HORÁRIO.

A deputada, segundo fofocas que correm pelos bastidores do congresso, quis dar um puxão de orelha no Senador Tião Viana (PT-AC), seu aliado político, e falar tudo aquilo que pensava

MENSAGEM SUBLIMINAR DA COMUNISTA


Blog do Venícius

Dei boas risadas quando soube que a deputada acreana Perpétua Almeida (PCdoB), se pronunciou subliminarmente contra a proposta de mudança no fuso horário, onde todos os estados do Brasil, inclusive o Acre, seriam igualados a hora de Brasília – DF.

Nesta sexta-feira, 19, a comunista reagiu de forma intensa durante um pronunciamento no Grande Expediente da sessão realizada na Câmara Federal. Perpétua disse que é um desrespeito e ofensa grave aos costumes e tradições milenares dos povos que habitam a Amazônia, referindo-se sobre a proposta de lei do Senador Arthur Virgílio (PSDB-AM).

“Devemos evitar que esta proposta avance. Será um golpe sem precedentes nos costumes daqueles que moram na floresta, nos barrancos dos rios, que se habituaram a quebrar o jejum ao amanhecer do dia, junto com o cantar do galo. É nessa hora que o seringueiro pega a sua espingarda e vai para a estrada; as famílias fazem suas orações; as crianças vão para a escola”, disse.

A deputada, segundo fofocas que correm pelos bastidores do congresso, quis dar um puxão de orelha no Senador Tião Viana (PT-AC), seu aliado político, e falar tudo aquilo que pensava. Ela acabou descontando sua ira no senador amazonense Arthur Virgilio, por este ser oposição ao governo lula. Ou seja, não lhe renderia represálias da cúpula da Frente Popular Acreana.

Para finalizar, Almeida, que é esposa do presidente da Aleac, o deputado Edvaldo Magalhães, deu mais uma cutucada em Viana. “Já foram tomadas medidas drásticas contra a Amazônia, sem considerar nem respeitar quem nela mora. Querem, mais uma vez, empurrar goela abaixo um pacote de medidas sem debater com a população, sem ouvir os principais interessados. Me parece que há um medo de sentir o cheiro do povo, de ouvir o que as pessoas pensam”, concluiu perpétua Almeida.

Viana, autor da Lei 11.662, sancionada em maio do ano passado pelo presidente Lula, fez com que os estados da Amazônia ficassem com uma hora a menos com relação à capital federal. Até então, a diferença do fuso horário do Acre era de duas horas. A mudança causa até hoje transtornos aos acreanos.

Usando o pretexto de “ouvir a população”, a velha raposa da política acreana, o deputado federal Flaviano Melo (PMDB – AC), que ontem lançou a pré-candidatura do vereador Rodrigo Pinto ao Governo do Estado Acre para as eleições de 2010, propôs, no inicio deste ano, também na câmara federal, através de um Projeto de Decreto Legislativo, o direito ao eleitor acreano decidir se quer ou não que o horário oficial da terrinha de Chico Mendes permaneça com uma hora de diferença em relação ao de Brasília, como determina a Lei. Até hoje, a proposta de Flaviano esbarra na “burocracia” criada por aliados do Senador Tião.

A melhor cartada do deputado Flaviano Melo para desestabilizar Tião Viana (virtual candidato ao Governo do Acre) entrou pelo ralo. A proposta do peemedebista de ouvir os acreanos sobre a mudança no fuso horário está descartada no Congresso. Explico: não justifica apenas um estado mobilizar a opinião pública sendo que outras unidades da federação também foram afetadas pela medida.

Esse enredo lembra a velha tática do “bate e assopra”.
Publicado por Evandro Ferreira 0 comentários Digg! Link Permanente Envie este artigo para um amigo

0 Comments:

Postar um comentário

Link permanente:

Criar um link

<< Home