AMBIENTE ACREANO: IMPRENSA VOLÚVEL
Google
Na Web No BLOG AMBIENTE ACREANO

sexta-feira, abril 18, 2008

IMPRENSA VOLÚVEL

Evandro Ferreira
Blog Ambiente Acreano

Vejam como são as coisas. Algum tempo atrás, quando a assessoria de imprensa do senador Tião Viana (PT-AC) 'mandou' os diários locais divulgar que ele era a favor de um plebiscito para modificar nosso fuso horário, todos correram para caprichar na apresentação da matéria. Para agradar ao senador, a maioria fez chamadas de primeira página, dando o maior destaque possível.

Agora o projeto de mudança do 'nosso' fuso horário foi aprovado no Senado sem plebiscito algum. Aliás, o projeto de plebiscito foi 'silenciosamente' arquivado a pedido do próprio Tião Viana, e a mesma imprensa que deu manchetes de primeira página sobre o assunto, não deu sequer uma nota de rodapé informando as razões do seu arquivamento.

Questionar o senador para saber as razões? Quem seria maluco de cometer uma loucura dessas? Parece cômico, mas dá até para imaginar que seria mais fácil os integrantes da imprensa local, quando questionados sobre o assunto, tentarem desconversar e responder:

- Plebiscito? O que é isso? Não estou sabendo disso não!

Pois bem. Agora sabemos que a mudança do 'nosso' fuso horário foi uma barganha política usada para aplacar a ira dos empresários do setor de comunicação que estão lutando pela revogação da Portaria 1.220/2007, que obriga as emissoras de TV a obedecerem a classificação indicativa da programação que exibem.

Em outras palavras: o senador acreano, que o seu assessor de imprensa reputa "um dos homens mais importantes da República", não precisou articular nada para garantir a aprovação do mesmo. Nem mesmo brigar para que ele entrasse em pauta. O lobby das empresas de comunicação fez tudo.

E o que a imprensa local publica sobre o assunto? Uma versão fantasiosa da aprovação, tentando passar ao público acreano a idéia de que o senador é um "herói" do povo ao garantir a aprovação do projeto.

Agora vem a etapa mais fácil da mudança do fuso horário. A sanção do presidente Lula. Mais uma vez, a pressão e a razão para a sanção presidencial vem toda do lobby das empresas de comunicação, que, se pudessem, revogariam a Portaria 1.220/2007. Na impossibilidade disso, estão garantindo a mudança do nosso fuso horário.

É importante dizer que sem isso, sem o lobby da Globo e companhia, o projeto do senador acreano iria dormir, como estava, em berço esplêndido no Senado por um longo tempo.

E tem mais: se ninguém fizer nada, as empresas de comunicação vão tentar impor o fuso horário único nacional. Vão tentar, inclusive, acabar com o horário de verão ou fazer com que todo o país passe a adotar o mesmo. Tudo para que elas possam economizar na adequação da programação para as regiões que atualmente não adotam o referido horário, como são os casos do Norte e Nordeste do país.

Como a imprensa local nunca se furtou em mostrar que os acreanos detestavam quando o Acre era obrigado a adotar o horário de verão, publicando até longos editoriais contra a adoção do mesmo, quero ver o que vai acontecer se o senador resolver, mais uma vez, trabalhar em favor dos empresários de comunicação.

O que vai acontecer se Tião Viana "impuser" a adoção do horário de verão no Acre? O que a imprensa local vai fazer já que sempre demonstrou ser visceralmente contra o mesmo no passado?

Eu posso imaginar o que vai acontecer.

A imprensa local vai passar a noticiar que o horário de verão é a coisa mais maravilhosa do mundo. Vai tentar esconder o fato de que nesta condição, considerando que o nosso fuso horário foi adiantado em uma hora, correremos o risco de chegar às sete manhã ainda sob o manto noturno. É isso mesmo, sete da manhã em Brasília durante o horário de verão equivalia a quatro da manhã no "horário acreano de antigamente", o horário original.

E por que digo isso?

Basta vocês darem uma passada rápida nas colunas de alguns jornais locais de hoje (18/04) e verão que bastou uma ligação do assessor de imprensa do senador, Romerito Aquino, e a maioria dos colunistas locais "correu" para colocar notas elogiosas ao projeto de mudança do fuso horário acreano. Tudo porque a a sanção presidencial é iminente.

Esse comportamento volúvel da nossa imprensa parece cômico e lembra o comportamento da imprensa francesa na época em que Napoleão voltou, pela força, ao poder. Quanto mais se aproximava de Paris, mais elogiosas eram as matérias sobre o tirano. No dia que entrou na capital, era Deus em pessoa.

Crédito da imagem: Pet Friends
Publicado por Evandro Ferreira 0 comentários Digg! Link Permanente Envie este artigo para um amigo

0 Comments:

Postar um comentário

Link permanente:

Criar um link

<< Home