AMBIENTE ACREANO: MAPEAMENTO DA AMAZÔNIA: INVESTIMENTO CORRETO
Google
Na Web No BLOG AMBIENTE ACREANO

sexta-feira, fevereiro 27, 2009

MAPEAMENTO DA AMAZÔNIA: INVESTIMENTO CORRETO

Evandro Ferreira
Blog Ambiente Acreano

Matéria publicada pela A Tribuna (27/02/2009) informa que o Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam) está repassando R$ 5,9 milhões à Aeronáutica, Exército, Marinha e ao Serviço Geológico do Brasil (CPRM) para a execução do projeto 'Cartografia da Amazônia'. Segundo a nota, o valor total do projeto é de R$ 350 milhões, dos quais R$ 68,5 milhões já foram liberados.

O projeto 'Cartografia da Amazônia' permitirá ao país conhecer os 1,8 milhão de quilômetros quadrados da Amazônia que não possuem informações cartográficas terrestre, náutica e geológica. Isso representa cerca de 34%, ou pouco mais de 1/3 da área total da região da região amazônica brasileira, que possui 5,2 milhões de quilômetros quadrados. Finalmente o país está tomando alguma atitude para 'tomar as rédeas' dessa imensa área!

Todos sabem que se alguém não conhecer o que possui, não saberá valorizar o seu bem, muito menos ter idéia razoável e prática sobre o que fazer com ele. A destruição de milhares de hectares de florestas virgens na região, das quais pouco se sabe em termos de potencial alimentício, medicinal e de outros, se dá de forma relativamente fácil pelo desconhecimento que temos do potencial e do valor econômico da floresta em pe.

Na conjuntura atual e futura, a floresta Amazônica só será salva se a sociedade brasileira - por meio de seus pesquisadores - conseguir mostrar aos seus algozes - agricultores, madeireiros, garimpeiros - o valor que a mesma tem. De outra forma, vamos continuar a brincar de gato e rato: alguém derruba a floresta, as autoridades multam, não cobram e fica por isso mesmo. É um ciclo vicioso que parece não ter fim.

O mapeamento desta grande área ainda desconhecida da Amazônia é um trunfo em favor da preservação da floresta. O aumento no investimento em pesquisas para conhecer a região - de parte do governo e da iniciativa privada - é outro passo fundamental.

Sem isso, nunca poderemos ter a autoridade de bater no peito e dizer que a Amazônia "é nossa!"
Publicado por Evandro Ferreira 0 comentários Digg! Link Permanente Envie este artigo para um amigo

0 Comments:

Postar um comentário

Link permanente:

Criar um link

<< Home