AMBIENTE ACREANO: NADA COMO UM DIA APÓS O OUTRO NÃO É MESMO TIÃO VIANA?
Google
Na Web No BLOG AMBIENTE ACREANO

sexta-feira, outubro 08, 2010

NADA COMO UM DIA APÓS O OUTRO NÃO É MESMO TIÃO VIANA?

Evandro Ferreira
Blog Ambiente Acreano

Há um ano Tião Viana, o governador eleito do Acre, cedeu às pressões da TV Globo para aprovar de forma urgentíssima a lei que alterou o fuso horário do Acre. A razão da pressão da Globo sobre Tião Viana derivava do fato do Senador ter sido o autor do projeto de mudança do fuso horário do Acre e que na época andava a passos de tartaruga nas comissões da Câmara e do Senado, sem perspectivas de aprovação a curto prazo.

O súbito interesse da Globo no projeto do senador acreano tinha direta ligação com a iminente entrada em vigor da portaria 1.220 do Ministério da Justiça, que obrigava as emissoras de TV a adequar sua programação à classificação indicativa. Em outras palavras: a novela exibida após o Jornal Nacional, às 20:30 horário de Brasília, deveria ser exibida nas diferentes regiões do país às 20:30 no horário local.

Na época a Globo alugava apenas um canal de satélite para mandar, desde o Rio de Janeiro, sua programação ao vivo para todo o país. Com a entrada em vigor da portaria, a Globo, para adequar sua programação, teria que alugar dois canais adicionais de satélite. Um iria atender as regiões com fuso de -1 hora em relação a Brasília (Amanzonas, Rondônia, Mato Grosso, oeste do Pará) e o outro seria exclusivo para o Acre e parte do Amazonas, com fuso de -2 horas em relação à capital federal. Na época, a coluna Radar da revista Veja informou que o custo para o aluguel de um canal de satélite era de U$ 5 milhões/ano.

Para evitar a despesa extra como o fuso do Acre, a Globo "foi para cima" de Tião Viana e exigiu a aprovação imediata do seu projeto. Tudo tinha que estar feito antes da entrada em vigor da portaria.

E foi isso que aconteceu. Em cerca de dois dias o projeto retornou da Câmara Federal e literalmente 'voou' pelas comissões do Senado, sendo aprovado no dia seguinte a noite no plenário da casa. Uma façanha para entrar nos anais do Congresso.

Quem participou ativamente da 'batalha do fuso horário' aqui no Acre lembra muito bem o que aconteceu no dia em que o presidente Lula sancionou a lei.

Você não lembra? Pois eu vou relembrar os esquecidos.

Na mesma noite, a TV Acre, de forma quase inédita, alugou um link de satélite para viabilizar a participação ao vivo de Tião Viana no seu principal telejornal. Foram quase 5 minutos de conversa do senador com o apresentador do telejornal.

Hoje podemos concluir que este foi o "prêmio" que Tião Viana ganhou da emissora carioca pelos serviços prestados.

Digo isso porque leio na imprensa local que o nosso governador eleito usou o twitter na manhã desta sexta-feira (08/10) para taxar de patética e anti-cristã a campanha descarada da Globo em favor do candidato paulista José Serra ao colocar em dúvida o compromisso de Dilma Roussef com valores religiosos.

Pois é Tião Viana. Nada como um dia atrás do outro. Com a Globo e a imprensa golpista do Brasil é assim: quando é conveniente, eles elogiam, endeusam. Quando não, eles demonizam. Ontem você serviu para os interesses deles ao patrocinar a mudança do fuso horário acreano. Hoje para eles você não é nada. Espernear, falar mal deles no twitter ou em qualquer outro meio não vai sensibilizar ninguém.

O que é mais interessante dessa atitude de insatisfação de Tião Viana com a Globo é que ela vem reforçar a promessa pública que ele fez alguns dias atrás de não influenciar na campanha do referendo sobre a manunteção ou não da mudança do nosso fuso horário.

Digo isso porque se ele fizer campanha para manter a mudança, ele vai, mais uma vez, trabalhar para a 'ingrata' rede Globo. Uma incoerência total. Se fizer o contrário, se ficar neutro e impedir que a máquina do estado seja colocada a serviço dos que querem manter a mudança, irá dar o recado para a Globo: vocês não podem mandar e desmandar no país.

Mostrará coerência e dignidade, itens que estão escasseando na cartilha do grupo político que patrocinou a eleição de Tião ao cargo de governador do Estado. A quase derrota ou vitória com gosto de derrota é uma prova inconteste.
Publicado por Evandro Ferreira 3 comentários Digg! Link Permanente Envie este artigo para um amigo

3 Comments:

Blogger Lindomar said...

Caro Evandro,

De fato não adianta o Tião Viana se lamentar agora e o fato de a Globo o "descartar" agora, não o torna "mais" sensível ao Acre e nem menos arrogante. A atitude do senador no caso da mudança do Horário foi uma prova de menosprezo à vontade do povo acreanao. A mesma coisa ele e o, então deputado Fernando Melo, tentaram fazer em relação à exploração de petróleo e gás em nossas florestas.
Quando o governante não respeita e não escuta o povo, o povo escuta até os seus (do governante) pensamentos mais secretos e sórdidos.

Mudança do horário, exploração de petróleo e gás, conseção de florestas públicas... São tantas posições tomadas sem ouvir o povo e até contra o povo!!!

Bom trabalho

Lindomar Padilha

17:33  
Anonymous Ulysses Freire da Paz Jr. said...

"Nunca de prioridade a quem te faz de opção"

13:49  
Anonymous marco said...

Parabéns pelo interessante blog ambiental. Vou acompanhar as postagens.
Forte abraço!

12:47  

Postar um comentário

Link permanente:

Criar um link

<< Home