AMBIENTE ACREANO: PERDEU BRASILEIRO, PERDEU!
Google
Na Web No BLOG AMBIENTE ACREANO

quinta-feira, setembro 03, 2015

PERDEU BRASILEIRO, PERDEU!

Evandro Ferreira
Blog Ambiente Acreano

A intensa campanha da chamada 'grande imprensa' e de alguns políticos para encerrar precocemente o mandato da presidente Dilma Roussef só conseguiu, até o momento, difundir a notícia de que isso acontecerá brevemente.

Embora tenham anunciado repetidas vezes que a queda era iminente, como uma miragem no deserto a ilusão não se concretiza porque é insustentável juridicamente frente aos argumentos apresentados.

Entretanto, no script imperfeito seguido pela banda podre da grande imprensa e pelos políticos que não aceitaram a derrota imposta pelas urnas, tudo foi e continua a ser feito para que o 'enterro' do atual governo se concretize o mais rapidamente possível.

A imprensa engajada nessa operação, apelidada jocosamente de PIG, que em inglês significa porco (e lembra lama...) e em português ‘partido da imprensa golpista’, fez a sua parte conquistando os corações e mentes da maioria da população, manipulando-a e levando-a as ruas para defender seu ponto de vista.

Fez isso desencadeando, imediatamente após a eleição, uma campanha de desconstrução moral e política de um partido e de alguns de seus dirigentes nunca vista na história da democracia brasileira.

Embora eficaz, a campanha na imprensa e as mobilizações populares de apoio nas ruas não impactaram ou obtiveram os resultados esperados pelos integrantes do PIG e os políticos que as patrocinam, que, como em uma luta de MMA, pretendem ‘finalizar’ o atual governo. 

Mais eficaz do que manobras políticas e campanhas midiáticas para ganhar ‘no grito’ disputas que em democracias saudáveis se decidem no voto, tem sido a ação da justiça para corrigir desvios morais de políticos e empresários que, em conluiou e desde sempre, assaltam cofres públicos administrados por todos os partidos, incluindo os que abrigam políticos ao estilo ‘Chapolin Colorado’ que agora posam de salvadores da pátria.

Reconforta-me hoje testemunhar que políticos importantes, outrora líderes morais e históricos, foram e continuam a ser varridos da cena cotidiana pela justiça. Parafraseando um ex-presidente digo sem equívoco que ‘nunca na história do nosso país’ se investigou, julgou, puniu e se mandou para a cadeia tantos malfeitores da administração pública.

Mais recentemente, o foco tem sido a punição a empresários rapineiros dos orçamentos públicos. E não são pequenos ou médios empresários, muito menos funcionários subalternos que no passado eram condenados no lugar dos reais criminosos. São presidentes e diretores de grandes empresas, algumas das maiores do país.

Para isso acontecer não foram necessários protestos nas ruas para cobrar que a justiça faça o que deve por obrigação. Isso mostra que o Brasil mudou para melhor nesses últimos dez anos. Apesar de ainda imperfeita, a justiça tem cumprido o papel que se espera dela.

Não pretendo discutir aqui as razões de essa mesma justiça ter sido tão inerte no passado porque chegarei à inevitável conclusão de que ela não era justa, livre e, baseado em fatos históricos, agia por interesse de alguns donos do poder político e financeiro.

Felizmente o momento atual está demonstrando que uma justiça isenta, célere e implacável no cumprimento de sua função é importante para a resolução dos problemas do país.

Se os ‘Chapolin Colorado’ da política brasileira e os integrantes do PIG tivessem, desde o início de sua campanha, apelado para a justiça, talvez tivessem hoje a legitimidade e os resultados que buscam. 

Cegos e frustrados como se encontram, continuarão a apostar no ‘quanto pior melhor’, em detrimento da sociedade que dizem representar e prestar serviços.

Parece exagero, mas se alguns deles pudessem – arrogantes e movidos unicamente por interesses particulares, econômicos e partidários – diriam em alto e bom som, como só os bandidos tem a coragem de dizer: “perdeu brasileiro, perdeu!”
Publicado por Evandro Ferreira 0 comentários Digg! Link Permanente Envie este artigo para um amigo

0 Comments:

Postar um comentário

Link permanente:

Criar um link

<< Home