AMBIENTE ACREANO: CNPq INCENTIVA PESQUISA SOBRE O BIODIESEL
Google
Na Web No BLOG AMBIENTE ACREANO

quinta-feira, setembro 04, 2008

CNPq INCENTIVA PESQUISA SOBRE O BIODIESEL

R$ 22 milhões para biodiesel

Agência FAPESP – O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) lançou quatro editais para apoiar pesquisas relacionadas à cadeia produtiva do biodiesel. Ao todo serão repassados R$ 22 milhões do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT).

O primeiro edital, voltado para apoiar o cultivo de plantas que resultem na produção de matéria-prima para o biodiesel, investirá R$ 4,5 milhões em projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação.

Segundo o CNPq, o objetivo é fomentar projetos integrados de pesquisa e desenvolvimento que incentivem a produção de culturas alternativas às oleaginosas comumente utilizadas para produção do biodiesel. Os pesquisadores interessados devem enviar projetos até 22 de setembro e as propostas devem ter valor máximo de R$ 500 mil.

O segundo edital, com recursos de R$ 5 milhões, apoiará projetos que contemplem o uso de co-produtos associados à cadeia produtiva de biodiesel. O foco desse edital é o desenvolvimento tecnológico de novos produtos que visem a maximizar sua utilização e minimizar os impactos ambientais e de saúde pública.

Os temas a serem contemplados incluem o desenvolvimento de produtos para uso na alimentação animal, remediação ambiental, produção de energia elétrica e aplicação na química e biotecnologia. As propostas também devem ser enviadas até 22 de setembro.

Serão investidos R$ 8 milhões no terceiro edital, que apoiará atividades de pesquisa sobre processos de obtenção de biodiesel via rota etílica. Esta chamada alinha-se com o Programa Nacional de Produção de Biodiesel (PNPB) e irá selecionar propostas com foco no desenvolvimento de sistemas aplicados à produção de biodiesel e utilização da rota etílica, focando no etanol como insumo.

Para concorrer os pesquisadores têm até 16 de outubro para enviar os projetos. As propostas devem ter valor mínimo de R$ 400 mil e máximo de R$ 800 mil.

Por fim, o último edital investirá R$ 4,5 milhões para a produção de biodiesel a partir de microalgas. Os projetos de pesquisa devem utilizar microalgas como matéria-prima para a produção de biodiesel, englobando todo o processo de produção e transformação desses produtos.

Os projetos devem ter o valor máximo de R$ 500 mil e abordar temas como o desenvolvimento de técnicas de cultivo de microalgas que apresentem baixo custo. As propostas de projetos devem ser enviadas até 25 de setembro, por meio do formulário de propostas on-line disponível na página do CNPq.

Mais informações: www.cnpq.br/saladeimprensa/noticias/2008/0902.htm
Publicado por Evandro Ferreira 0 comentários Digg! Link Permanente Envie este artigo para um amigo

0 Comments:

Postar um comentário

Link permanente:

Criar um link

<< Home