AMBIENTE ACREANO: FÁBRICA DE CIMENTO DA VOTORATIM EM RONDÔNIA
Google
Na Web No BLOG AMBIENTE ACREANO

segunda-feira, junho 30, 2008

FÁBRICA DE CIMENTO DA VOTORATIM EM RONDÔNIA

Empresa já possui licença provisória para começar a obra. Quando ficar pronta, empresa promete 250 mil sacas de cimento por mês para abastecer o Acre. Para suprir emergencialmente Rondônia, 60 mil sacas adicionais serão enviadas neste próximo mês. Governo do Acre deve agir para garantir que parte desse envio seja destinada ao Estado.

Com informações de O Estadão de Rondônia

O governador de Rondônia, Ivo Cassol, recebeu na sexta passada (27/06) diretores do grupo Votorantim Cimentos, que está instalando uma fábrica de cimentos no estado de Rondônia e que recebeu 85% de incentivos fiscais do governo estadual. Segundo informações da empresa, os equipamentos para o início da construção, muitos deles importados, já foram comprados e estão sendo transportados para Porto Velho. A empresa já possui licença provisória e aguarda o alvará de instalação para iniciar a obra.

O presidente da Votorantim, Walter Schalka, esclareceu que a produção da nova fábrica atenderá em 80% o estado de Rondônia e que os outros 20% irão abastecer o estado do Acre. "Atualmente é a nossa empresa que fica instalada no Mato Grosso que abastece o mercado rondoniense. Com a implantação da fábrica aqui, poderemos atender melhor a demanda exigida pela construção civil, que cresce vertiginosamente em Rondônia", afirmou.

De acordo com Ivo Cassol, a construção da fábrica gerará 500 empregos diretos, e com o início do funcionamento outros 100 empregos diretos e mais 400 indiretos.

A nova fábrica terá capacidade para produzir cerca de 15 milhões de sacas por ano, o que reduzirá o custo do produto, que hoje é comercializado por cerca de R$ 28,00 em Rondônia. "Com o cimento fabricado aqui impediremos que as pessoas tenham que comprar o cimento no mercado a preços abusivos", frisou Cassol.

Diante da falta do cimento no mercado, que tem comprometido as obras no estado de Rondônia, o governador solicitou ao presidente do Grupo Votorantim um aumento na produção na fábrica de cimento de Mato Grosso para atender a população rondoniense. "A população não pode parar suas obras por falta de cimento e o governo também precisa do produto para as obras que está realizando".

A diretoria da Votorantin prometeu remanejar parte da produção destinada ao mercado de Mato Grosso, destinando 60 mil sacas adicionais para Rondônia neste mês de julho.

NOTA DO BLOG: O governo do Acre tem que fazer gestão junto à Votorantin para que a empresa aumente a cota de cimento que destina ao Acre. Se 20% das 60 mil sacas adicionais prometidas para Rondônia neste mês de julho forem 'desviadas' para o Acre, serão 12 mil sacas a mais para abastecer o mercado local no auge do verão, quando a maioria das pessoas investe em reformas e novas construções. Só assim o preço do cimento no mercado local se estabiliza ou cai. Aumentar ainda mais é que não pode pois pagar até R$ 34 por saca, como vi no sábado no Bairro da Paz, é um abuso. Todo mundo sai perdendo.
Publicado por Evandro Ferreira 1 comentários Digg! Link Permanente Envie este artigo para um amigo

1 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Aquisição de Cimento para construção da Sede da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Marcelândia – MT
Nome: Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Marcelândia C.N.P.J nº03175200/0001-73
Endereço Completo: Rua Jamaica, 1162, Centro.
Marcelândia-MT CEP: 78535-000
Telefone: (66)
3536-1522 e-mail: apaelandia@hotmail.com
Objeto: Cimento, piso cerâmica Data: 11/09/2008

Descrição do Objeto: 1000 Sacas de Cimento, 500 metros2 de piso de cerâmica. Entidade Beneficiada: Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Marcelândia (APAE)
Objetivos: Construir a Sede Própria da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais proporcionando maior qualidade e conforto as crianças, jovens e adultos desta escola.
Público Alvo: Alunos da APAE de Marcelândia-MT Público Estimado: atendimento aos 40 alunos matriculados na APAE de Marcelândia-MT
Justificativa: A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Marcelândia atende atualmente 40 alunos entre crianças, jovens e adultos. Por se tratar de uma entidade sem fins lucrativos e manter-se apenas com doações e eventos realizados por ela própria, não há condição de construir sozinha a sede própria de forma adequada aos alunos que são atendidos diariamente pela entidade. Fundada em 06 de Fevereiro de 1999, a APAE é uma organização que defende os direitos das pessoas com deficiências intelectual ou múltipla, que vem lutando desde esta data para a construção de uma escola apropriada e adaptada para pessoas portadoras de deficiências porem as nossas dificuldades financeiras são muitas, mas poderão ser amenizadas com a doação destas 1000 sacas de cimento e estes 500 metros2 de piso de cerâmica, por esta nobre empresa. Temos um terreno doado e documentado de 1.950.00m2, (um mil novecentos e cinqüenta metros quadrados), localizados no Jardim Andressa II, perímetro urbano, desta cidade e Município de Marcelândia, comarca de Marcelândia/MT, com este material é mais um passo para a efetivação do sonho, pois já conseguimos a parte da planta e a aprovação do projeto pela CINFRA. Sozinhos somos fracos, juntos seremos fortes na causa que abraçamos.
E com sua generosa doação poderemos realizar o sonho de atendermos melhor os nossos alunos, com maior segurança e algum conforto.
Contrapartidas: A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais estará se responsabilizando pelo pagamento da obra e dos demais gastos, bem como a conservação desta.

Declaro estar ciente das normas de patrocínio e adequar-me aos seus dispositivos

Marcelândia-MT 11 de Setembro de 2008

Patrícia Gasque Pires Cian
Diretora da APAE de Marcelândia – MT
E-mail: patriciacian2@hotmail.com


Silvania Garcia Miranda Martins
Presidente da APAE de Marcelândia – MT

18:47  

Postar um comentário

Link permanente:

Criar um link

<< Home