AMBIENTE ACREANO: MUDANÇA DO FUSO HORÁRIO DO ACRE:
Google
Na Web No BLOG AMBIENTE ACREANO

terça-feira, abril 15, 2008

MUDANÇA DO FUSO HORÁRIO DO ACRE:

É meu amigo, chupa essa mexerica!

Felipe Cruz Mendonça*
14 de abril de 2008

ATENÇÃO! ATENÇÃO! Mais uma do diário mensal mais lido pelos Senadores (ops!) Senhores do Tempo. Direto do Acrean Way of Life.

Meus queridos e queridas é com muita alegria que informo que o Acre cresceu. É isso mesmo, estamos em plena ereção! A pouco o Supremo Tribunal Federal encerrou uma disputa territorial de 26 anos entre o Amazonas e o Acre, onde a terrinha ganhou 1.184 km² na área da divisa. Toma essa Manaós! ... agora só falta saber o que fazer com esse pedaço de mais pobreza, de mais desamparo, de mais ausência. Mas tudo bem! Como diria o outro: miséria pouca é bobagem. Vem pra nóis!

E para os que pensam que pretendemos parar por ai, estão muito enganados. Já temos planos ambiciosos de expansão na Sul-América. A oeste esperamos em 2020 já dominarmos Machu Pichu e um ano depois, segundo nossos estrategistas, já estaremos na Serra da Mantiqueira. Só não queremos o mar, porque aí perderíamos a desculpa de ir para Fortaleza... e, sabe como é né: tem certas tradições que não se mexem.

*

E o Acre nas últimas semanas não só se expandiu, como resolveu brincar com o tempo. O fato é que esse modesto geógrafo que vos fala, teve o privilégio de ver na última semana como se altera um fuso horário. Pode parecer pouco, mas pra nós da Geografia é muito importante... eu diria que presenciei um momento épico. Imagino que seja algo similar a emoção que um biólogo tem ao ver uma mitocôndria respirar, de um astrônomo ao observar o alinhamento impressionante das Três Marias, a Lua e a Terra com o seu nariz, ou então de um botafoguense vendo seu time campeão. Antes de irmos direto ao assunto, um pouco da Geografia do tempo: imagine a Terra como uma mexerica com 24 gomos iguais. Se toda circunferência tem 360°, assim como a mexerica, cada um desses 24 gomos tem 15°. E é exatamente assim que se determina as 24 horas do dia. Cada gomo da mexerica ou fuso da Terra corresponde a uma hora, contadas a partir do Meridiano de Greenwich. Essa é a convenção, amparada em teses cientificas e ratificada por vários países em uma conferência internacional realizada em 1884 na Inglaterra. No entanto nem sempre esses gomos obedecem sua hora estabelecida. Para atender questões políticas e financeiras (sempre elas), os fusos são ajustáveis. É por isso que Brasília tem o mesmo horário de Buenos Aires, onde o correto seria a capital portenha estar a uma hora a menos do Distrito Federal, por exemplo.

No Brasil, até 1913 a hora no país era a mesma para todas as regiões. Foi uma lei deste ano que determinou a hora legal no país, estabelecendo que horário que deverá ser adotado em cada canto desse país continental que vivemos, de acordo com as regras internacionais. E essa lei estabeleceu que o Brasil teria 4 horas diferentes, e que o Acre seria o único Estado brasileiro junto com alguns municípios do Amazonas que ficaria no fuso de duas horas a menos de Brasília.

Dito isso, a verdade é que na semana passada foi decidido no senado federal que o Brasil não terá mais 4 fusos horários. O Acre avançará uma hora para assim ficarmos uma hora apenas do horário de Brasília.

No entanto, as coisas não se dão assim ao acaso meu amigo. Tudo nesse mundo é uma construção... ou não, como diria Caê. Você já deveria saber!

Existe toda uma receita que envolve política, futebol, televisão, oportunismo e muita bobagem, que nos diz muito sobre como as coisas acontecem em terras tupiniquins. Ela não é meio enjoativa, mas anota aí o passo a passo:

Primeiro você pega a portaria 1220/07 do Ministério da Justiça que obriga as emissoras de televisão a ajustar toda sua programação de acordo com o fuso horário das regiões onde ela passa, em consonância com o que pede o Estatuto da Criança e do Adolescente.

Depois você mistura bem com a principal Rede de Comunicação do país, a Rede Globo, e coloque-a contra a tal portaria 1220/07, uma vez que a forçará ajustar a sua programação, nos locais com fuso horário diferente do de Brasília. Ou seja, ela vai ter que fazer uma programação para o fuso menos 1h de Brasília (Manaus, Porto Velho, Cuiabá, Campo Grande) e outra programação diferente para o fuso menos 2 horas onde apenas o Acre se encontra. Junte a isso atitude da Globo em bagunçar toda sua programação, buscando colocar a população contra a portaria que a obrigou alterar a programação, colocando novela das sete depois do Jornal Nacional, passando todos os jornais da emissora em VT e o futebol de quarta-feira agora também não é ao vivo. Detalhe: a portaria não diz nada sobre os programas ao vivo, portanto, elas poderiam ser passadas na hora que sempre passou. Mas como a intenção é demonstrar força e forçar o governo para que reveja a portaria de classificação etária, é sempre bom dificultar!

Logo depois, você coloca uma colher de chá da negativa do Ministério da Justiça em adiar mais uma vez a entrada em vigor da Portaria (ela já havia sido adiada por 6 meses a pedido da Globo). Com isso, vendo que não conseguiria protelar a portaria 1220/07 mais uma vez, os Marinho optaram em ao menos diminuir o prejuízo.

Agora você deixa descansar a massa por cinco minutos. Depois, você convoca uma xícara de uma reunião de emergência, sob pressão da Globo, com procuradores do Ministério Público Federal, o ministro da Justiça, Tarso Genro, e os senadores da base governista Romero Jucá (PMDB-AL), Tião Viana (PT-AC), Fátima Cleide (PT-RO) e Valdir Raupp (PMDB-RO), pra ver como dar aquela “mãozinha” para a Vênus Prateada.

Dessa mistura com essa reunião, você tira aquele projeto de lei que tava meio sumida no Senado, de autoria do senador Tião Viana, que altera o horário do Acre para menos uma hora em relação a Brasília. Ai você me pergunta: Mas porque? Ora, pra ganhar gosto, como não! Agora pelo menos a Globo não precisaria fazer a uma programação exclusiva de menos duas horas só para o Acre. Os entendedores do assunto dizem que diferentes programações afetam diretamente o faturamento da emissora e suas afiliadas nos Estados. E não podemos esquecer que são quase 20 milhões de brasileiros que vivem com a hora diferente de Brasília.

Daí, quatro dias depois da entrada em vigor da Portaria 1220/07 e no mesmo dia da reunião de emergência, você liga o forno e coloca o Projeto de Lei aprovado, que altera o fuso horário do país, para assar em caráter de urgência, urgentíssima.

Daí em diante, é só esperar a sanção presidencial e servir a vontade.

Pois é assim que se altera um fuso horário meus caros e caras. De minha parte, na verdade, sempre quis que o horário do Acre se alterasse pra ficar mais próximo do horário de Brasília, o que facilitaria no meu trabalho e no meu lado pessoal. Mas isso não me deixa achar certo essa tomada de decisão totalmente arbitrária, oportunista, sem qualquer consulta da população acreana e a favor dos caprichos financeiros da Rede Globo. Por aqui a polêmica está correndo solta. E de certa forma, a bem da verdade, dá até uma certa melancolia em saber que nosso horário irá mudar... a hora diferente era um dos nossos charmes, o que nos diferenciava dos demais. Sentirei falta...

E como se não bastasse, o nosso brilhante democrata, o nobre senador Tião Viana, sempre muito preocupado com as diferenças, depois de aprovada sua lei, reduz toda discussão à seguinte pérola:

“Eu luto contra a desigualdade dos horários. Como meu projeto foi aprovado ao mesmo tempo que surgiu esta confusão nos horários das tevês, estão dizendo que o meu projeto estaria criando a confusão. Pelo contrário, o meu projeto vai diminuir a confusão, porque hoje está de um jeito nesse horário louco que, quem é do Acre está gritando gol com duas horas de atraso, quem é de Manaus está gritando com uma hora de atraso e quem é de Brasília grita o gol na hora certa”.

É meu amigo, chupa essa mexerica!

*Felipe Cruz Mendonça, servidor público, (con)fuso e escrivinhador nas horas vagas, escreve no Blog 'O Diário de um Acreano'
Publicado por Evandro Ferreira 0 comentários Digg! Link Permanente Envie este artigo para um amigo

0 Comments:

Postar um comentário

Link permanente:

Criar um link

<< Home